banner_aventure_se

36º Diário de Bordo - 15 a 19/11/2018

Depois de uma noite maravilhosa com as belas vistas do Lago Llanquihue e do Vulcão Osorno, tomamos o nosso café da manhã, revisamos o nosso “Bison” e voltamos para a Ruta U-551-V em direção a Villa Quilanto, e dali para a charmosa Frutillar.

Estacionamos à beira do lago e fomos circular pela cidade.  Constatamos que da nossa última vez que estivemos por aqui, mudou bastante. Construíram um belo Centro de Eventos à beira do lago.  Neste dia tinha um grande evento e na frente do Centro de Eventos tinha vários “Food Truck” inclusive um que assava cordeiro inteiro. Eles serviam para comer a carne no sanduíche, diferente aos nossos costumes. O lugar estava muito bacana, ainda mais com o agito do evento, várias pessoas tirando fotos, inclusive com o drone. O dia estava muito lindo também.

Nesta região tem uma forte colonização alemã, e queríamos voltar ao antigo restaurante do Clube Alemão para comer uma comida típica. No passado ela estava muito melhor. A comida não estava com a temperatura ideal. Pedimos para aquecer, mas não ficou igual a primeira impressão.

Após o almoço, circulamos a pé pela cidade baixa, e depois seguimos pela Ruta V 305 e comecei a observar uma camionete nos seguindo. Eu diminuía e ele também. Fui tocando e continuando com a observação. A alguns metros à frente vi um lugar para estacionar e assim forçar para que ele me ultrapassasse. Mas ele parou ao meu lado, e disse que não estava nos seguindo e sim indo na mesma direção. Como o papo engrenou, ele estacionou mais à frente e ficamos um bom tempo conversando. Nos falou que era o atual Presidente do Clube Alemão do restaurante onde almoçamos. Falamos que tínhamos almoçado ali. Perguntou como foi e falamos a verdade e expliquei que quando estivemos no ano de 2005 estava muito melhor. Ele agradeceu a nossa sinceridade e disse que ia conversar com o pessoal.  Algum tempo depois, continuamos o trajeto em direção a Punta Larga. Após a Vila Tutoral entramos na Ruta V-155, continuando costeando o Lago Llanquihue até a cidade do mesmo nome. Passeamos pela cidade, e na sequencia pegamos a Ruta 5, e seguimos até a cidade de Puerto Varas.

Puerto Varas é uma cidade interessante a beira do lago, com muitas opções turísticas. Depois de circular pela cidade, e como já estava ficando tarde, seguimos pela Ruta 225-CH até La Poza e passamos a noite a beira do lago. Mais tarde, chegou uma Kombi com um casal jovem e passaram a noite ali também. A noite foi muito tranquila e tinha uma bela vista de Puerto Varas.

Amanheceu com a temperatura bem mais amena, tomamos o nosso café da manhã com vista para o lago, e fizemos a revisão normal de todas as manhãs no “Bison”.  Logo, seguimos tocando até a cidade de Ensenada e dali seguimos pela Ruta U-55-V, até a entrada que leva para subirmos o Vulcão Osorno. A rodovia que sobe o vulcão é a Ruta V-555, toda pavimentada e com muitas curvas. A gente sobe até o centro de ski, onde tem um teleférico e uma cafeteria. Ficamos um bom tempo ali em cima, caminhamos pelas trilhas, fizemos o nosso almoço e já no final da tarde começamos a descer. O tempo aqui em cima muda constantemente: nublado, garoa e sol novamente e repete desse jeito o dia todo. Na descida temos que ter muito mais cuidado para não esquentar os freios. Depois de trazer o “Bison” nas pontas dos dedos, voltamos a entrar na Ruta U-55-V até a cidade de La Cascada e ali passamos a noite, novamente a beira do lago. Muito tranquilo.

No dia seguinte fomos visitar as cascatas e também Petrohué até o Lago Todos Los Santos. Depois voltamos, e seguimos pela mesma rodovia até a cidade de Osorno. Cruzamos a cidade e pegamos a autoestrada Ruta 5 até a cidade de Los Lagos. Nesta cidade seguimos pela Ruta T-39 até a cidade de Panguipulli. Em Panguipulli fomos ao centro de informação turística, e nos deram mapas da região e algumas dicas. Tocamos mais a frente e entramos na Ruta 203-CH, circulando pelo Lago Panguipulli até Puerto Fuy, onde se pega o Ferry para o Paso Hua Hum. Nesse trajeto tem uma Terma muito interessante. Este passo fizemos no ano de 2005, mas hoje, era para somente fazer este belo passeio, ainda mais com toda rodovia pavimentada. Naquela época era tudo rípio e muito ruim. Na ida tínhamos visto alguns locais de parada para tirar fotos. Pensamos quando voltar passar a noite. Dite e feito, ficamos numa destas áreas de apoio e descanso, e passamos uma noite silenciosa.

Realizamos a nossa rotina de todas as manhãs e voltamos até ao entroncamento com a Ruta 201-CH. Nesta estrada circulamos pelo Lago Pullingue até a cidade de Coñaripe, e dali pela Ruta T-95-S, costeando o Lago Calafquén até a cidade de Licán Ray.  Desta cidade, seguimos pela mesma Ruta até a cidade de Villarrica. Na linda Villarrica ficamos dois dias. Aproveitamos para circular pela cidade, e dormimos onde estava indicado pelo IOverlander a beira do lago do mesmo nome da cidade, com vista para o belo Vulcão Villarrica.

Depois de descansarmos e andarmos bastante pelas vias da cidade, seguimos em direção da cidade de Pucón. Mas isso, conto no próximo post.

Coñaripe (1)Coñaripe (2)Coñaripe (3)Frutillar (1)Frutillar (2)Frutillar (3)Frutillar (4)Frutillar (5)Frutillar (6)Frutillar (7)Frutillar (8)Frutillar (9)Frutillar (10)Frutillar (11)Frutillar (12)Frutillar (13)La PozaLican Ray (1)Lican Ray (2)Lican Ray (3)Lican Ray (4)Lican Ray (5)LlanquihuePanguipulli a Puerto FuyPanguipulliPetrohue (1)Petrohue (2)Petrohue (3)Puerto Fuy (1)Puerto Fuy (2)Puerto Varas a La PozaVillarrica (1)Villarrica (2)Vulcão Osorno (1)Vulcão Osorno (2)Vulcão Osorno (3)Vulcão Osorno (4)Vulcão Osorno (5)